Pular para o conteúdo

São Paulo nas telas do CCSP

09/29/2009

A partir de amanhã e até o dia 4 de outubro, acontece no Centro Cultural São Paulo a segunda edição do História dos Bairros de São Paulo e também o Crônicas da Cidade.

O História dos Bairros de São Paulo é um projeto da Secretaria de Cultura de São Paulo, que seleciona e patrocina a execução de ideias de documentários educativos que tenham como tema a história e a geografia de algum bairro da cidade de São Paulo.

O Crônicas da Cidade é uma coletânea de obras audiovisuais que tratem de locais, estabelecimentos, eventos, personagens, etc característicos do município.

A programação você pode conferir aqui.

O evento acontece na Sala Lima Barreto (com 100 lugares), no Centro Cultural São Paulo, que fica na Rua Vergueiro, 1000, bem próximo à estação Vergueiro do Metrô. Os ingressos começam a ser distribuídos sempre com uma hora de antecedência. Mais informações pelo telefone 3397-4002.

A dica é dos amigos do SP Metrópole, que você também pode acompanhar pelo twitter @spmetropole.

Fernanda Takai, Zélia Duncan e Frejat no Ibira

09/25/2009

Uma orquestra sinfônica de música popular e três grandes nomes da MPB. Um encontro como esse tem tudo para ser inesquecível. E no que depender da Orquestra Arte Viva e de Frejat, Zélia Duncan e Fernanda Takai realmente será um começo de tarde muito especial para aqueles que passarem pelo Ibirapuera nesse domingo.

A partir das 11 horas do dia 27, os três cantores e a orquestra do Maestro Amilson Godoy farão uma apresentação gratuita no Auditório Externo do Ibirapuera.

O endereço é Av. Pedro Alvares Cabral, portão 2 do Parque do Ibirapuera.

Para quem ainda não conhece – e para quem conhece também – fica um vídeo da Orquestra Arte Viva interpretando Eu sei que vou te amar ao lado de Toquinho.

Maria Alcina no Centro Cultural Vergueiro

09/05/2009

Em comemoração aos 100 anos de Ataulfo Alves, o Centro Cultural Vergueiro recebe amanhã, na sala Adoniram Barbosa, às 18 horas, a cantora Maria Alcina e a dupla 2Dois. Autor de verdadeiros clássicos da música popular brasileira, Ataulfo teve suas músicas gravadas por grandes músicos, num misto de renovação e tradição. “Que saudade da Amélia”, “Laranja madura”, “Meus tempos de criança” e tantas outras são referências do que de melhor produziu o cancioneiro popular brasileiro.

Para homenagear esse grande compositor, o CCSP apresenta seis shows na linha da renovação e da tradição, nos quais um artista consagrado divide o palco com artistas da nova geração. A programação completa você confere aqui. É válido lembrar que os shows são gratuitos e os ingressos devem ser retirados  com duas horas de antecedência! E as pessoas chegam mesmo duas horas antes. O Centro Cultural SP fica na rua Vergueiro, 1000 e o telefone para mais informações é 3397-4002.

Show de Jair Rodrigues e família de graça

08/23/2009

Amanhã, às 13 horas, o cantor Jair Rodrigues, em companhia de seus filhos Jair Oliveira e Luciana Mello se apresentam no projeto “Domingos Musicais” na praça de eventos do Shopping Metrô Tatuapé. O evento é uma parceria com a rádio Alpha FM. Jair Rodrigues apresentará canções de seu novo trabalho “Festa para um Rei Negro”, que foi produzido em comemoração aos 70 anos do cantor e ao sucesso conquistado ao longo de seus 50 anos de carreira musical. O repertório do novo disco faz uma retrospectiva da vida do artista, com ritmos que vão do samba ao romântico, além de clássicos da música brasileira, sertanejo e canções de raiz. Segundo os organizadores do evento, as apresentações serão individuais e no final do show a família fará uma surpresa para o público.

 A estrutura da praça oferece 250 assentos para quem quiser conferir os shows, mas é possível assistir aos espetáculos dos outros andares do Shopping, que  fica dentro da estação Tatuapé do metrô. Para quem for de carro, ele fica na rua R. Domingos Agostim, s/nº. Mais informações você consegue pelo telefone 2090-7400

Homenagem a Cora Coralina em São Paulo

08/22/2009

Ana Lins do Guimarães Peixoto Brêtas. Talvez você nunca tenha ouvido esse nome, mas é difícil que não conheça essa mulher. Ana, que ficou conhecida pelo pseudônimo Cora Coralina, foi uma das maiores poetisas brasileiras e, se ainda estivesse viva, completaria 120 anos no último dia 20. Em homenagem à escritora, que só ficou conhecida após os 70 anos, a Prefeitura de São Paulo (link para sec. De cultura) organiza uma exposição na Biblioteca Alceu Amoroso Lima.

A exposição Cora Coração começa hoje vai até o dia 19 de setembro. Nela será possível encontrar aquarelas da artista plástica Rita Aguierra, que retrata em sua obra as paisagens de Goiás – estado onde nasceu e viveu Cora Coralina –, um tacho de cobre recheado de poesias manuscritas – numa referência às duas profissões de Cora, doceira e poeta –, três vestidos que remetem às diversas fases da vida de uma mulher e três painéis inspirados em sua obra.

A Biblioteca Alceu Amoroso Lima fica na rua Henrique Schaumann, 777. A exposição é aberta ao público de 2ª a 6ª, das 8h às 19h e sábado das 9h às 16h.

Conclusões de Aninha

Cora Coralina

Estavam ali parados. Marido e mulher.
Esperavam o carro. E foi que veio aquela da roça
tímida, humilde, sofrida.
Contou que o fogo, lá longe, tinha queimado seu rancho,
e tudo que tinha dentro.
Estava ali no comércio pedindo um auxílio para levantar
novo rancho e comprar suas pobrezinhas.

O homem ouviu. Abriu a carteira tirou uma cédula,
entregou sem palavra.
A mulher ouviu. Perguntou, indagou, especulou, aconselhou,
se comoveu e disse que Nossa Senhora havia de ajudar
E não abriu a bolsa.
Qual dos dois ajudou mais?

Donde se infere que o homem ajuda sem participar
e a mulher participa sem ajudar.
Da mesma forma aquela sentença:
“A quem te pedir um peixe, dá uma vara de pescar.”
Pensando bem, não só a vara de pescar, também a linhada,
o anzol, a chumbada, a isca, apontar um poço piscoso
e ensinar a paciência do pescador.
Você faria isso, Leitor?
Antes que tudo isso se fizesse
o desvalido não morreria de fome?
Conclusão:
Na prática, a teoria é outra.

Piano, tango e jazz na praça

08/12/2009

Praça Dom José GasparToda a classe do tango argentino com toques de improviso típicos de jazz. Para quem nunca ouviu o trabalho de Pablo Ziegler ou de Pedro Henrique Calhao essa mistura pode parecer estranha. Quem já ouviu esses dois músicos tocando, porém, sabe que a combinação é como aqueles casais improváveis, mas que você não consegue mais imaginar separados.

 No próximo sábado, 15 de agosto, Ziegler e Calhao farão uma apresentação conjunta, como parte do projeto Piano na Praça, desenvolvido pela Secretaria de Cultura da Prefeitura de São Paulo.

Acostumado a acrescentar arranjos de jazz à música clássica, o argentino Ziegler apresentará, entre outras, o tango Soledad, de seu compatriota Carlos Gardel.

O matogrossense Calhao também executará em seu piano temas imortalizados por Gardel – entre eles o clássico Por Una Cabeza, que entrou para o imaginário de muita gente graças à cena clássica do filme Perfume de Mulher.

Para quem se interessou, a apresentação acontecerá na Praça Dom José Gaspar (mapa) – atrás da biblioteca Mario de Andrade – no dia 15, a partir das 15 horas.

III Jornada Brasileira de Cinema Silencioso

08/09/2009

logo

Até o dia 16 de agosto acontece na Cinemateca Brasileira a terceira edição da Jornada Brasileira de Cinema Silencioso. Nesta terceira edição, aliando-se às manifestações relativas ao Ano da França no Brasil, a III Jornada receberá o cinema silencioso francês através da contribuição vinda dos Arquivos Franceses do Filme/Centro Nacional de Cinematografia, da Cinemateca Francesa e dos Arquivos Albert Kahn. Todos os filmes serão exibidos com acompanhamento musical ou sonoro, na sala Cinemateca BNDES. A jornada conta com 34 artistas convidados para acompanhar todas estas sessões. Os mesmos filmes terão projeção silenciosa na Sala Cinemateca Petrobras. A programação completa do evento você confere aqui. A Cinemateca Brasileira fica no Largo Senador Raul Cardoso, 207, próxima ao metrô Vila Mariana. Mais informações você consegue no telefone (11) 3512-6111, r. 215. Vale lembrar que a entrada é franca, mas os ingressos devem ser retirados com uma hora de antecedência da sessão escolhida.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.